Coroa do Advento: o que você precisa saber!

Coroa do Advento: o que você precisa saber!

Esse objeto decorativo que pode ser feito das mais diversas formas e de diferentes materiais, nos ajudará a marcar o compasso da preparação da grande festa da vinda do Filho de Deus, nosso Salvador. A coroa do advento tem sua origem na Europa no início do século 19.

Era usada, inicialmente por Igrejas Luteranas como subsídio catequético para as crianças durante as quatro semanas que antecediam o Natal. Seu aspecto era o de um arranjo floral circular com velas completando a decoração. Na sequência, em meados desse mesmo século, iniciava-se, no mundo católico, um movimento para reavivar as celebrações litúrgicas que estavam meio engessadas. Esse movimento litúrgico culminou com o Concílio Vaticano II que publicou a belíssima encíclica Sacrossanctum Concilium.

A prática da  Coroa do Advento  veio a calhar nessa busca de elementos que pudessem tornar mais vivas as celebrações litúrgicas.  Isso agradou sobremaneira aos católicos. Esse objeto que era feito das mais diversas formas e de diferentes materiais, veio para ajudar a marcar o compasso da preparação da grande festa da vinda do Filho de Deus, nosso Salvador. A forma mais comum é, porém, o círculo enfeitado com uma guirlanda de folhas de pinheiro. O círculo nos traz a ideia de infinito por que não tem nem começo e nem fim. É sinal  do nosso Deus que  desde toda eternidade nos ama com um amor infinito. A forma circular nos convida à harmonia e nos dá sensação de paz.

Mas o formato não é tudo, vale lembrar as pessoas que, com dedicação, colocam toda sua criatividade e imaginação com o intuito de levar, sobretudo as crianças, à participação da grande festa da Natividade do Senhor.

As quatro velas coloridas

Velas fazem parte do imaginário cristão. A começar pela Grande Vela  que, no Sábado Santo, recebe uma bênção especial e se torna então, o Círio Pascal que se tornará o grande símbolo da Páscoa.

Nossas celebrações litúrgicas começam sempre com o solene acender das velas do altar. Nos momentos de oração nas famílias, sempre uma vela é acesa. O povo gosta de ter velas bentas em casa. Enfim, velas acesas são sinais que nos remetem a uma realidade que não podemos tocar: Jesus Ressuscitado luz do mundo!

As velas usadas na Coroa do Advento podem ser  artisticamente  decoradas (todas brancas). Mas, há quem prefira que sejam verde, roxa, rósea e branca. As cores das velas dependem do gosto e do significado que se lhes dá. Há, por exemplo,  quem prefira as velas todas vermelhas, a cor do amor; outros acham que são três roxas e uma rósea para o 3º Domingo do Advento (Gaudete – alegrai-vos). Percebe-se que as velas fazem parte integrante desse arranjo preparado como subsídio para o tempo de espera do Natal do Senhor.

Porque quatro velas?

Já houve que incentivasse as crianças a acender uma vela pequena todos os dias da semana e no domingo uma vela maior e mais vistosa.

Porém como são apenas quatro os domingos do tempo de preparação para o Natal, convencionou-se que as velas seriam, também, apenas quatro. A cada domingo acende-se  uma e, quando chegar a Noite do Natal, tudo ficará mais iluminado.

É a  festa da luz que proclama Jesus Cristo, o Sol da  Justiça, o Deus que visita seu povo armando sua tenda entre nós. (Jo 1,1-4)

As velas serão acesas solenemente

A cada domingo, no início da missa, logo após a invocação da Santíssima Trindade, entra uma adolescente vestida com roupa brilhante ( ou uma mulher grávida), levando uma vela acesa e, enquanto se canta uma música apropriada , acende uma das velas da coroa do advento que deve estar em lugar bem visível no  espaço celebrativo.

Natal é a festa de Deus que visita seu povo. Natal é o dia do nascimento do Filho de Deus, no tempo, daquele que existe desde toda eternidade.

Natal é a esperança de um mundo novo, mundo de justiça e de paz. A Coroa do Advento pode ser usada também no ambiente familiar. As famílias cristãs, na preparação para a Festa do Natal, poderão incluir o ritual de acender as velas da Coroa do Advento . É bom que essa dinâmica seja realizada à noitinha de modo que as velas fiquem mais evidenciadas. Isso, naturalmente, vai encantar as crianças , mas os adultos participarão cada um se incumbindo de um gesto, uma leitura, orações… Todos vão entender que Natal é a festa do Deus que visita seu povo; Natal é o dia do Nascimento do Filho de Deus, no tempo, Ele que existe desde toda eternidade; Natal é a esperança de um mundo novo, mundo de justiça e paz.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Publicações Relacionadas

Abrir WhatsApp
Precisa de ajuda?